4 motivos para se trabalhar a realidade virtual na sala de aula

19 de fevereiro de 2018

Postado por Microsoft Educação em Conteúdos Educacionais, Tecnologia da Educação


Como as novas tecnologias imersivas podem influenciar no modo de aprender do aluno do futuro? 

Novas formas de envolver e engajar estudantes vêm sendo testadas nas salas de aula do mundo todo. Seja o uso de novas tecnologias ou a inserção de novas disciplinas, a intenção é que haja uma transformação no processo de ensino, uma vez que o modelo tradicional já não consegue mais suprir essas novas demandas. A Escola Bosque, por exemplo, uma das Escolas-modelo da Microsoft, investiu em ferramentas tecnológicas como parte fundamental do seu currículo para acompanhar essas mudanças. A instituição de ensino implantou Office 365 para Educação para toda a comunidade da escola.  

A inserção da tecnologia na sala de aula nos permite pensar nos próximos passos a fim de facilitar e desenvolver atividades no ambiente escolar. Um desses exemplos é o uso da Realidade Virtual, que possibilita uma imersão completa em um determinado ambiente digital, por meio de óculos especiais, que podem ser desde uma excursão virtual em um outro país, até visualizar as moléculas orgânicas de uma planta. Um mundo novo de possibilidades! 

Este ano a Microsoft deu um passo à frente nessa questão e está expandindo o conceito de realista mista com uma nova parceria com o projeto WGBH’s Bringing the Universe to America’s Classrooms, para distribuição nacional em PBS LearningMedia™. Essa iniciativa trará conteúdo de qualidade sobre Ciência da Terra e Espacial para as salas de aula por meio de recursos de aprendizagem digital que aumentam o envolvimento dos alunos com fenômenos e práticas científicas. 

A realidade virtual está aqui e nós listamos 4 motivos para você utilizá-la na sala de aula:

1. Despertar o interesse e a curiosidade dos alunos: além de aprender de um jeito mais divertido, seus alunos podem ter a experiência virtual de se colocar nas mais variadas situações. Como, por exemplo, a escolha da profissão no caso dos alunos que estão de perto de aplicar para os vestibulares.

2. Estruturar atividades mais interessantes e explorar assuntos na prática: a realidade virtual proporciona um mundo sem restrições. Em praticamente todas as disciplinas é possível utilizar essa ferramenta, como em uma aula de história, em que os alunos possam conhecer mais sobre dinossauros e a pré-história.

3. Facilitar a compreensão: frequentemente o professor percebe que na sala de aula pode haver alunos com diferentes níveis de entendimento e percepção. Com a realidade virtual fica muito fácil mostrar aos estudantes todas as etapas de um assunto especifico que você esteja ensinando, sendo possível tirar dúvidas e esclarecer o tema prontamente.

4. Todas as idades e classes disciplinares: a ferramenta é versátil e pode ser usada por alunos de diferentes idades, desde a pré-escola até o ensino médio.

A tecnologia imersiva pode trazer inúmeros benefícios na educação e ainda encorajar o engajamento dos estudantes mais do que os métodos tradicionais de ensino. A realidade virtual ainda é algo novo, porém já é possível identificar que o potencial dessa ferramenta é incalculável. Utilizá-la como um canal educacional trará inúmeros benefícios para professores e alunos. 

Últimos posts

Tags

Posts Relacionados